O Bitcoin é criado pelo ato de minerar. Os membros da rede fornecem seu poder computacional para a realização de cálculos de problemas matemáticos e, por esta iniciativa, são recompensados com bitcoins. No entanto, quanto mais membros estiverem minerando, maior fica a competição. Computadores são muito bons na solução desses problemas matemáticos, então a Rede Bitcoin torna a solução propositalmente cada vez mais difícil, caso contrário todos os bitcoins seriam minerados em poucos minutos. É por esse motivo que já existem muitos hardwares altamente especializados no mercado com o único propósito de minerar bitcoins.

Como são lançados novos modelos com muita frequência, todos devem otimizar seus equipamentos de mineração regularmente para manterem-se competitivos. Assim que é lançado um novo equipamento de mineração no mercado, os anteriores rapidamente tornam-se obsoletos e, portanto, não lucrativos. Ao mesmo tempo, esse desenvolvimento gradual da tecnologia aumenta a dificuldade geral da mineração novamente. O resultado é um círculo sem fim de necessidade constante de otimização. Isso explica porque é essencial começar com o melhor hardware disponível e imediatamente para minerar de forma lucrativa pelo maior tempo possível, além de não perder um minuto de tempo precioso de mineração.